quinta-feira, 8 de maio de 2008

E eu

ainda escreve cartas.. tá muitos dizem que é retrô, mas eu concordo com voce que fala isso pois é sim retrô ainda mais nos dias que hoje que estamos cheios de tecnologia: - MSN, orkut, e-mail, skype e por ai vai. Esses meios que são mil vezes mais rápidos práticos e que feito mágica chegam na hora não é preciso esperar dias para uma resposta. Só que uma coisa que essa tecnologia toda não conseguiu trazer foi a magia da espera, de ficar na ansiedade querendo que as horas passem mais e mais rápido para que o carteiro chegue e quando ele chega torcer que tenha um destinatário no seu nome, abrir o envelope vê aquelas palavras que juntas começam a transformar-se em frases, observa a letra da pessoa, o cuidado que teve pra escolher o papel, a caneta, os adesivos e tudo mais sinceramente isso a tecnologia não passa e eu não troca as minhas cartas que demoram dias por um e-mail que não demora um minuto.


E hoje é aniversário do Pirikita (Thiago) é estranho como a maioria das pessoas entram em nossa vida e ele foi uma dessas formas estranhas (..) festinha aqui em casa e os outros meninos trouxeram ele só que ninguém me apresentou ai eu fui lá e falei: - já que esse povo é tudo mls educado e ninguém me apresenta a você prazer nanita õ--* (tá eu sou sim, força barra quando eu quero) e depois disso foi só risos, sempre que os meninos viam aqui em casa ele tava junto ou quando agente saia ele também tava junto :) e um carinho ele foi conquistando.. e as histórias? – eu mando ele conversa com uma guria e ele vira pra mim e fala: - “já to conversando com você” aoeiaoeiaoei Na última festa aqui em casa, rum ;@ era eu: - piriii me ajuda. Piri: “ - vai lá nanita, vai lá ele só quer conversa com você” só queria conversa comigo né? eu vi bem a conversa :P mas gostei, ele era carioca. :x depois volto pro lado do pirii ai o boyzinho passa Piri: “ olha lá” eu: olha lá quem? Piri: “agora você não sabe quem é né?” ;P só rindo. No sábado: Piri: “ah, a nanita não se despediu de mim” ninguém mandou ele não descer do carro e quando eu ia lá pra me despedir ele fecha a janela, só que era só doce – depois ele abriu! só rindo com ele :D Desejo muitas felicidades hoje e sempre, que continue sendo essa pessoa ímpar que me faz ri horrores e me faz um bem maior #D adooooro³.

3 comentários:

Pequena disse...

Não acredito que não teve nenhum comentário...
Amo cartas, recebe-las, escrever... tudo o que disse é o que sinto qnd recebo uma ...td bem que jah tem um tempo que não chega uma pra mim mas...carta eh e sempre será uma carta...mesmo que tenha orkut,e-mail e blablabla não adianta o gostinhu de carta eh mais gostoso.
;)

Thiago Selva disse...

Interessante... entretanto, Kafka disse que as cartas acabaram sua vida (tudo bem que tinha também milhares de outras coisas mais...).
De qq forma, é incrível receber uma carta - tanto melhor saber que ela existe e 'tá chegando.

Raysla Camelo disse...

Não tem forma de comunicação melhor que cartas, a não ser os contatos físicos, né?
Eu sou fã número 1 do papel escrito, dobrado e guardado num envelope com um selo grudado!
=)
Feliz que outras pessoas gostem também.

Abraço!