sábado, 10 de maio de 2008

Pela minha


janela via o sol se pondo, o então azul do céu sendo pintado de cores que ao meu ver eram laranja com pitadas de vermelho, no relógio marcava 18:01 e eu no meu quarto, acabara de dar uma pausa nos Onze minutos de Paulo Coelho, esse que a dias tem roubado minutos, horas dependendo da minha vontade de continuar viajando na histórias da prostituta Maria. O livro ficou de lado, mexendo nas minhas coisas peguei a caixinha de uma das minhas alianças e automaticamente a encaixei no meu dedo. Logo após me senti segura, protegida e amada novamente. Os sentimentos que a tempos queria sentir vieram a tona. Mas esses desapareceram com a mesma magia que surgiram, então percebi que aquilo não me pertencia mais. Colocando-a de volta na caixinha ela novamente passou a ser uma aliança de prata que um dia aquele que fez meu coração bater mais forte me entregou. Esse mesmo que algum tempo atrás seguiu um caminho diferente do meu.

A carência veio me visitar, necessidade de um abraço de um colo, de carinho. Não quero beijo na boca nem emoções fortes.. não por essa noite. Só quero deitar no seu colo, dormi e deixar você vigiar meu sono.. :*
Ps,. E essa é a vista da janela do meu quarto *---* :)

13 comentários:

Pequena disse...

Às vezes achamos que oque sentimos é único, no sentido de que só nós sentimos, mas ... do outo lado do mundo ou até mesmo do nosso lado tem alguém querendo, sentindo, pensando o mesmo que a gente...
Escrevi sobre isso outro dia...
Há momento que queremos nada mais que um abraço e sentir protegida,amparada...amada.
Gosto das coisas que vc escreve...
Espero que esteja melhor...
;)

Ps.eu acredito que existam anjos em tds os lugares...

Bjuxxx

Carolina de Castro disse...

A vista da sua janela é maravilhosa..
Adorei a foto e o blog!
Bjo grande

loooiraluh disse...

amooooor, que lindo tudo aqui *-*

Paulo Leopoldino disse...

a minha aliança eu preferi enterrar, deixar tudo o que aconteceu de lado e seguir em frente apenas com lembranças que valem a pena.

eu acordo todo dia com essa vontade... e eu a supro sozinho.

linda a vista, e acredito que assim como eu, você já viajou para muitos lugares vendo o sol se por.
;D

beiijooo menita
;**

' Sαbriinα Suciigαnੴ disse...

Eu uso aliança com o meu namorido.. *.*
Elas são muito importantes pra nós..
A vista da janela do seu quarto é linda! Eu poderia passar dias olhando pra ela.. :)
Um beijo..
Te linkei!
:)
;*

Morganna disse...

eita que essa vista é linda. um céu desses eu acordava todo dia feliz. :P

:*

Teresa disse...

é bom ter uma vista verdinha assim da janela do quarto.

se eu abrir minha janela e olhar pra baixo, vejo concreto e asfalto.

=*

Gabri Ela ♥ disse...

- bom, a minha aliença é apenas a forma perfeita que as nossas mãos se encaixavam e isso por mais que um dia eu tente ou precise esquecer, vai ser em vão.. é impossível.
ameei³ seu texto :D
e obrigada pela visita e pelo carinho :D
tá linkada, óbviamente :D
e o seu amor, vai chegar siim..
quando você menos esperar :D
Beeijo linda :*

A n i n h a a disse...

aaaii nem me fale em carência, tá?
pq aí eu vou pensar nisso e ficar mais carente.
E sim, hoje eu não quero nada forte, quero a tranquilidade de um olhar.

Meo,
adoreeei aqui *-*
obrigada pela visita, e continue aparecendo ^^
beijos

Flá Costa * disse...

a carência anda tããão, mas tããão carente que tá batendo em tudooo quanto é coração.

só hoje, já me visitou umas 25 vezes... rs

beeeeijo

Jeff disse...

Menina ...
Gostei do seu espaço ... mesmo não vendo da janela do seu quarto, imagino tudo que diz, pela força sentimental que coloca em teus textos.
Sei muito bem como é o que passas, sei como é querer um colo, sei como é esse momento de carência que descreve. Acho que muitos de nós passamos por isso e aí o motivo de entender-mos um ao outro e não cair no erro de julgar.
Posso lhe dizer uma coisa?
Pensa nos momentos bons, nas coisas boas que lhe fazem feliz ... ás vezes isso me ajuda nesses momentos de carência, tenta e depois me diz certo?

Se cuida ... estou sentindo que estás ficando muito tristinha!

bjão

Baabu Tavolucci disse...

aaaaaiii veei! O: incrivel como voce consegue colocar no papel o que eu to sentindo e não sei expressar! :')
beeijo nanita, da baabu!

christianna disse...

amiiiga vc é demaiis ...
até nas suas palavras .
ameiii tudo isso .
Beijoo *: