sexta-feira, 20 de junho de 2008

"Ali estava ele sentado a beira da lagoa enquanto esperava sua amiga chegar, observando as crianças brincar no parquinho. Já entardecia, e magicamente o céu foi sendo tingido de laranja, e o sol se punha vagarosamente, sem a menor pressa. O menino continuava sentado ali, no mesmo lugar vendo o pôr-do-sol estampado nas águas da lagoa, mas seu pensamento estava longe, bem longe. Tinha atravessado montanhas, percorrido serras, estradas e quilômetros incalculáveis para estar perto daquela que tinha as palavras mais doces, e que o compreendia como ninguém. Sim, ele estava junto dela, podia sentir aquele abraço apertado, podia ouvir aquela risada gostosa, e agora estava fazendo o que mais queria fazer: encher aquela garota, a garota de asas de cosquinha... E ela saia correndo, ele corria atrás, derrubava-a na grama, e novamente a enchia de cosquinha enquanto ela tentava o morder... Mas seus utópicos pensamentos foram interrompidos, sua amiga chegara, e o menino tentava rapidamente disfarçar aquelas lagrimas que marejam seus olhos.- O que foi, Paulo?- Nada não. É apenas saudades, só isso.- Saudades do que?- Saudades do abraço que meus braços nunca deram, saudades daquele olhar que meus olhos nunca viram, saudades daquele riso que meus ouvidos nunca ouviram. Saudades, apenas saudades, e nada mais – enquanto dizia isso, ele se segurava para não deixar mais uma vez suas lagrimas escorrem.- Só você mesmo, Paulo. Você é louco.- É, talvez eu seja, mas deixa isso pra lá. Vamos então?!?! Você demorou hein!! Onde estava?? "

- Paulo

O texto acima ganhei dias atrás, não preciso nem dizer o quanto bem senti ao lêr essas palavras, ainda mais vindo de uma pessoa que se tornou muito especial pra mim mesmo se encontrando longe dos meus braços e dos meus olhares, mas que eu consigo encontrar no nosso mundo de sonhos e fantasias, este que vai além do mundo real que nós separa pela distância.

Venho aqui comparti-lhar com vocês as palavras dele, o menino do balão. :) meu querido amigo!

Ps - eu sou a garota de asas. :$

19 comentários:

Rαfαεℓℓα disse...

Ai meu Deus, que texto mais lindo! *---*...quase xorei!

Hahaha, levei um susto quanto entrei nos eu blog (esse terremoto todo), mas já passou xD

Beijos, amo aqui ;*

Antônio disse...

Existem amizades virtuais que são capazes de concretizar o abstrato, e é digno de muita admiração quem consegue atingir esse nível.

Beijo!

♥ Ca ♥ disse...

Que texto maiiis lindo!!!
Saudades é tão dificil né!
NAÃO GOSTO MUITO DELA NÃO
hahaha

beijinho!

Aline Romero disse...

Que susto! Teu blog tremeu tudo, sabes?
Enfim, Nanita...
Esse texto entrou pro hall dos textos que eu gostaria te ter escrito - ou ganho...^^
Lindinho, lindinho...!

Vinícius Aguiar disse...

Lindo texto... parabéns por ser capaz de proporcionar algo assim a alguém, e parabéns, principalmente, por poder SENTIR algo assim... perfeito!
beijos!

Camilla disse...

Ai que lindo, queria que alguém escrevesse assim pra mim tbm...

Paulo Leopoldino disse...

que honra ter meu texto aqui amor.
*-*

você esqueceu de dizer que além de ser a menina de asas, você é a minha F A D A


ps:publiquei o mesmo texto no meu blog, e depois vim aqui ver, e pra surpresa achei o tal aqui tbm hehe


beiijo
;**

T disse...

muy bueno!

Fernanda Fronza Fotografias disse...

masssssssssssssssss que fooooofa gente *-*
texto lindo :P
talvez eu poste com uma foto minha pode?
colocarei teus creditos looooooooooogico
;*

:))

Mary West disse...

Texto fofura ativar!!

bianca.anchieta disse...

ísso aqui é muito perfeito amiga (:
eu te amo pra sempre cachorrinha, essa musica é perfeita ! ♥

Aylinha disse...

Comecei a ler seu blog não faz muito tempo. Uma amiga me mandou pra eu ler aquele texto sobre Pietro e Clara. Eu fiquei apaixonada e passei a vir aqui regularmente, suas palavras sao um momento de paz no meio de tardes as vezes conturbadas. Parabéns pelo seu dom e obrigada por me fazer bem mesmo sem saber

Beijos
Ayla

Alan... disse...

Cada dia que passa,adoro mais ler seu blog! heheheheh


Abs!

Daniel disse...

muito bonito seu texto...

boas palavras para descrever uma linda tarde de amor...por um instante parecia que eu estava vendo a minha frente...

:D

bjus

Antônio J. Xavier disse...

O texto é lindo... bem construído e emocionalmente sincero e franco.
Uma confissão de amor... de amizade.
Belíssima homenagem tb!
Eu mesmo tenho algumas pessoas aqui nesse mundo virtual que hoje fazem parte da minha vida... pessoas com quem posso contar sempre que preciso de um ombro.
Bjosss

Baabu Tavolucci disse...

já virei frequentadora assidua do seu blog nanita! adooro :)
beijão, fica com Deus e sucesso! ;*

Carol Garcia disse...

ah que liiindo ;
é uma paixão da saudade,
uma paixão que é um sonho realizado de um modo diferente !@

adoreeei !

Ni ... disse...

Que lindo... imagino como se sentiu por ser retratada com tamanha emoção...

Beijo e mais beijos...

ALF disse...

hohoho
maravilhosamente incrível.
não tem como se sentir de outra forma. Um texto profundo, que tem o poder de triscar suavemente e amorosamente o coração.
Incrivelmente sensível, sublime, acalentador.
Olha, lindo mesmo.
Dá pra gente sentir aquela magia, e imaginar uma emoção dessa, que é de longe sem medida.

Amei mesmo.

:D

Beijos minha linda
se cuida