sexta-feira, 18 de julho de 2008


Estava eu mechendo na minha caixinha e encontrei o canto dos verbos , acabei por escolher o perdoar. Assim, conjugado na primeira pessoa, com objeto direto e ponto final: eu me perdôo. Não, eu não te perdôo porque não tenho porque te perdoar. Você não fez nada. Tenho que perdoar a mim. A mim, que me ferrei. Me iludi. Me fodi. Me refiz. Me encantei. A culpa é minha. Minhas e das minhas expectativas. Minha e do meu coração lerdo. Minha e da minha imaginação pra lá de maluca. Então, com sua licença, deixe eu e minha culpa em paz.

21 comentários:

Maria Fernanda disse...

Tive que me perdoar inúmeras vezes por isso também...

Vinícius Aguiar disse...

Nossa! Forte isso hein... mas quero lembrar que todo sentimento assim é em mão dupla... se houve culpa, ela foi de ambos... mas cabe perdoar também a ambos, afinal, o ressentimento é algo que destrói a auto-estima de qualquer um!
Beijoss!

.Ná. disse...

Acho que é isso que eu to precisando dizer por aqui.
Beijos

sweet.cherry.pie disse...

Belo texto!
E o melhor é sempre saber se perdoar, manter a culpa com a gente faz mal pra todo mundo;
Passou, passou e no fim o culpado nem importa tanto; O importante é o perdão :D

Tem um selo pra você no meu blog, mas acho que você já recebeu um igual ó.ó
Bom, mas tá lá de qualquer jeito ^^

Cindy disse...

de minha parte, eu me perdôo demais. nem sempre a culpa pelas expectativas e sonhos é minha. aprendi a ver que os outros também erram, e muito...

;*

ALF disse...

O mais doloroso recai em nossas mãos e o que deixamos de ver, o que acabamos evitando. Não é culpa nossa, não somos capazes de prever, de sentir o que sentem, de perceber a essência factual ao nosso redor. Estamos propensos a tropeçar, porque quando caminhamos por caminhos escuros, sempre surgem expectativas, e ansias de poder enxergar a paisagem, da expectativa de saber até onde vamos chegar e o quão feliz seremos. Imaginação, ilusão, encantamento...Podemos errar.
Somos humanos e não é triste errar tentando ser feliz, a gente no fim vai se moldando e aprendendo mais a ver como as coisas andam. Não seja tão rígida consigo. Toda dor, seja ela qual for, nunca é tão imensa quanto o brilho, a importância e toda essência e sinfonia de nossa alma. A dor é inevitável...
Mas a felicidade também. Acredite. Saiba que és importante, pra nós e pra si.
Lembre-se disso, porque para cada queda, precisamos levantar e continuar. O coração é um sedento por felicidade. As vezes nos deixa impulsivos. Precisamos aprender a controlar ele né rsrs

Sorria. A vida mal começou.
;)

Beijos.
adoro-te;

Camilla disse...

Também passei por isso...
=)

Cámila disse...

Aii que lindo flor!
Muita saudade de voce no meu blog eim!
BEIJÃOOOO

Patrícia disse...

Poxa vc esta escrevendo de mim???
É exatamente assim que me sinto. Não a culpa não foi dele, a culpa é minha eu deixei minha imaginação ir alem!!!
Mas isso tbm serve se lição... vamos aprender!
Quem sabe uma proxima vez sejamos mais realistas, para não sofrer tanto!

Beijão

Bárbara Maciel disse...

amiga você ta escrevendo mega bem meu.Amo seus textos e to com baita saudades de ti.
(L)

alex pinheiro disse...

Mexendo em nossa vida somos apenas verbo,,, e nem estudava-se tanto a língua quando foi escrito "eu sou o verbo" (bíblia)...
Sou vários ao mesmo tempo,,, faz bem! rs

Bjs e desabafadas invenções!

MH disse...

É um saco, massssssss, grandes expectativas sempre geram grandes frustrações. Nhá!

Thaís ! disse...

Tal verbo tem grande essencia em nossa vida, e portanto em nenhum momento devemos esquecelo :D beijão

Daniel disse...

muito irado o texto...falou tudo...quem te fez sofrer foi voce mesma... :D

entao eh bom vc ficar só mesmo e procurar a felicidade..e se alguem te pertubar...manda catar coquinho...

bjus

Antônio J. Xavier disse...

E todos damos graças! Felizes porque vc supera o obstáculo maior do amadurecimento: o de saber deixar ser, deixar estar, evoluir!
Menina linda do sorriso encantado... crescendo, amadurecendo, desabrochando!
Fico feliz em acompanhar essa sua fase de viver...
bjinhos

amália :) disse...

é né, o problema está sempre conosco, e com as nossas expectativas erradas que sempre insistem em aparecer, por mais que não tenham brechas. ;~

Juh... disse...

perdoar a si mesma as vezes eh mais dificil do que perdoar alguém!
a gente sempre comete o mesmo erro
mas só assim experimenta o que é se apaixonar...
*.*

beijooos

Minuto do Intervalo disse...

"...Aprendi a perdoar, pois já precisei deste perdão..."


Muito bom o seu blog! Voltarei mais vezes...

Thaíis . disse...

Se voce nao esta bem com voce mesma nada tem importancia =)

Aline Romero disse...

EU me perdoo, tu te perdoas, nós nos perdoamos... E todo mundo, enfim, vive feiz pra sempre!
:)

raai. disse...

"com sua licença me deixe com a minha culpa em paz"
nossa, me identifiqueeei :x

saudade, nunca mais passou por lá :\
:*